Partilhe esta Página

 

Mais conteúdo de Matemática voltado para alunos do Ensino Fundamental e Médio.

Clique e Acesse


Objetivos e Metas
Objetivos e Metas

O Poia foi criado para atender uma necessidade que alunos e professores tinham de estudar Matemática de nível olímpico em busca de premiações nas provas da OBMEP.

O primeiro intuito em 2008 e 2009 era entender como fazer determinadas questões olímpicas tão curiosas, interessantes e "difíceis" naquele momento. Com o tempo buscamos compreender de que forma um aluno deveria proceder e que nível esse aluno deveria ter para que uma premiação (menção ou medalha) pudesse ser conquistada. Conforme entendíamos isso e nos capacitávamos para esse objetivo, entendemos também que era necessário ter um grupo de estudo olímpico, pelo menos seis meses por ano, para que objetivos maiores fossem alcançados. Aí nasceu o POIA.

Por isso, objetivos e metas não podem ser bem definidos aqui, pois dependem de padrões que podem variar a cada ano. A curto prazo, o objetivo é manter um grupo de estudo com pelo menos trinta jovens e esse é objetivo maior, pois sem esse, outros não podem ser alcançados.

É importante que saibamos que a base é essencial. Investir na Matemática e no domínio da escrita em alunos do sexto e do sétimo ano faz uma grande diferença, pois a partir daí o caminho praticamente se faz sozinho.

A prazos mais longos, queremos manter o número de medalhas e menções honrosas que a nossa cidade vem alcançando a cada ano. Não que isso seja fácil, pois sabemos da responsabilidade e da pressão que é. Mas com dedicação e esforço podemos chegar lá.

Por fim, a meta maior: elevar os indicadores das nossas escolas e da nossa cidade  em provas oficiais como as avaliações da OBMEP, dos Institutos Federais, do SAEB, do ENEM e tantas outras mais, afinal, como diz um grande amigo meu, o professor Adriano Valeriano, tudo o que fazemos é plantar pequenas sementes e esperar que elas possam germinar. Como ele mesmo costuma concluir esse pensamento: os resultados podem nos surpreender. Ademais, como disse Albert Einstein certa vez, a mente que se abre a uma nova ideia, jamais voltará ao tamanho original. E é isso o que esperamos das sementes que germinarem, que elas produzam resultados... uma a 30, outra a 60 e outra a 100.

topo